quinta-feira, 25 de março de 2010

Sorry, Thanks and Please

São sem dúvida as três palavras mais usadas aqui pela Inglaterra. Cada vez que alguém pede um café diz 'Thanks' e 'Please' pelo menos três vezes, para ser sincera no inicio achava que era usadas em demasia , não que os Portugueses sejam pessoas mal educadas (de forma geral) mas não usámos as palavras Obrigado, Por favor e Desculpe tantas vezes como os Ingleses. Se calhar só dizemos quando é mesmo necessário e não a todo o tempo como aqui, acho que só dizemos quando realmente sentimos e não de uma forma generalizada como aqui que acaba por ter um vazio de sentimento ou de itenção.


De todas as vezes que ouvi estas palavras as mais caricatas foram: ia eu no autocarro e vira-se a mãe para o filho 'Obrigado querido hoje estás a portar-te bem' (Pensei eu cá pra mim - Mas o dever dele não é portar-se bem?? e a mãe diz obrigado?); estava eu nas aulas , o Prof pergunta se alguém quer perguntar algo, então há uma aluna que pergunta e no final o Prof diz 'Obrigado por essa pergunta'; o que me acontece com mais frequência é no trabalho, quando tenho alguma dúvida e pergunto aos meus colegas eles dizem-me 'Obrigado' ( Mas eu é que pergunto e eles é que agradecem??).

Depois de alguns meses acaba-se por entrar no espirito e dizer Obrigado, Desculpe e Por favor mil vezes ao dia.

segunda-feira, 15 de março de 2010

Abreviaçðes


Desde que eu começei a trabalhar neste escritório depararei-me com um novo desafio: perceber as abreviaçðes. Em português nós também usamos mas acho que não tanto como em inglês.
No outro dia recebi um email do "big boss" que terminava assim: "That is required pdq." Mas que raio é PDQ??

Claro que descobri muito rápido graças ao "sabe tudo" Google. Mas acontece por vezes que as abreviaçðes são também faladas. Eu achava muito estranho quando comecei a trabalhar aqui que além de toda a gente aqui na empresa terminar os emails com TA, eles também falam TA, tipo em vez de cheers ou thanks!

Algumas das abreviaçðes que eu me lembro agora.

ASAP - As soon as possible
TA - Thanks again
FYI - For your information
PDQ - Pretty damn quick
CET - Central European Time
B2B - Business-to-business
B2C - Business-to-consumer
CEO - Chief executive officer
CFO - chief financial officer
CMO - Chief Marketing Officer
BTW - By the way

quarta-feira, 10 de março de 2010

10 anos de roda gigante

Ontem, 9 de Março o London Eye comemorou dez anos de funcionamento. A roda gigante foi projectada para as comemorações do novo milénio e foi pensada como um entretenimento provisório, por um período de cinco anos mas o sucesso foi tão grande que já passaram dez anos e pelos vistos o London Eye está para ficar. Eu sempre conheci Londres com o London Eye e acho que já não consigo imaginar o skyline da cidade sem esse marco.

Curiosidades sobre a roda:
- É a atracção turística paga mais visitada no Reino Unido;
- No total o London Eye tem 32 cápsulas, uma por cada bairro (borough) de Londres numeradas de 1 a 33, o 13 ficou excluído para não dar azar;
- Uma volta completa dura 28 minuto;
- Em cada rotação o London Eye pode transportar 800 passageiros, 25 por cápsula.

sexta-feira, 5 de março de 2010

Sol

Esta semana tivemos quase todos os dias um solzinho simpático e o fim de semana promete mais sol. Como é coisa muito rara por aqui ter mais de 3 dias seguidos de sol, eu só acredito vendo (e espero disfrutando do bom tempo). Está muito frio, mas é tão bom ver o sol brilhar.

Claro que isto ainda sabe melhor quando em Portugal TODA a gente me pergunta se aqui está mau tempo, porque por lá pelos vistos o mau tempo não dá tréguas:) (eu sei que estou a ser mázinha).

Vivendo aqui em Londres há já algum tempo eu começo a entender porque os britânicos adoram falar sobre o tempo, realmente quando se tem chuva e céu nublado quase todos os dias é importante saber quando se pode aproveitar o bom tempo(boa desculpa para este post sem graça). Mas continuo a achar muito chato o assunto do tempo quando simplesmente não há assunto. Porque em todo o mundo o tempo que faz, fez e vai fazer pode ser assunto quando não há assunto mas aqui é sempre.