sexta-feira, 25 de julho de 2008

Londres no topo das cidades mais caras do mundo

Números do UBS Wealth Management Research(Swiss investment bank) vêm mostrar que Londres continua a ser a cidade mais cara do mundo para se viver.
A pesquisa revela que em Londres é 23% mais caro alugar uma casa do que em Zurique. Os londrinos, comparativamente, têm também um poder de compra mais baixo, situando-se em 26º lugar em termos do que lhes é permitido comprar com os seus salários, com menos 37% de poder de compra que os suíços da cidade de Zurique. O mesmo estudo mostra que Londres é também uma cidade cara para se visitar, já que é mais dispendiosa 26% do que Nova Iorque, por exemplo. No entanto Oslo e Copenhaga são cidades mais caras ainda que Londres para se visitar.

Segundo um outro estudo, realizado pela Mercer (empresa de consultadoria), Londres é apontada como a terceira cidade mais cara do mundo, só ultrapassada por Moscovo e Tokyo, sendo a cidade russa a líder da tabela. Este estudo baseou-se na pesquisa dos preços de 200 itens que variam desde habitação até serviços de lazer. A pesquisa refere, por exemplo, que um café em Londres custa em média £2,2, em Moscovo £5,19 e em Tokyo £2,75.

Sem comentários: